Escolhendo o Melhor Consórcio de Carros

Diante a crise econômica poucas pessoas podem comprar um veículo à vista. Com isso, o consórcio de carros e o financiamento são os caminhos escolhidos por muitas pessoas. A queda na renda do trabalhador junto às altas taxas de juros no país favorecem para a escolha do consórcio de carros para adquirir seu veículo.

Um consórcio de carros é diferente de um financiamento. Nele um grupo de pessoas, com um objetivo comum, se juntam e formam uma poupança com o objetivo de compra. Esta modalidade oferece algumas vantagens:

  • Em um consórcio de carros não há cobrança de juros, assim como nos financiamentos. Mas, existem outras taxas que devem ser considerada como: taxa de administração, fundo de reserva e às vezes um seguro;
  • A cada assembléia um cliente é sorteado para receber sua carta de crédito e através de um lance esse mesmo cliente pode ter uma segunda chance de ser contemplado;
  • Modalidade com menos burocracia, visto aos financiamentos, após escolher uma administradora de confiança basta fornecer: CPF, RG e comprovante de residência.

Como escolher a melhor administradora de consórcio de carros?

Verifique se a administradora do consórcio de carros é homologada junto ao Banco Central. Pesquise na internet o que as pessoas falam da empresa. Veja nos sites de reclamação ou no próprio site do Banco Central, converse com outras pessoas que já tenham adquirido um carro através dessa modalidade.

Antes de fechar o contrato confirme se você tem capacidade de pagamento, aqui vale a regra utilizadas nos empréstimos consignados. Não faça prestações com valor superior a 30% do seu rendimento.

Leia o contrato completo antes de comprar, não é inadequado fazer várias perguntas antes de assinar a documentação. Lembre-se de que este documento possui todas as regras que irão conduzir o negócio.

Desconfie se uma das promessas da empresa for o sorteio rápido. Não exista a menor hipótese de saber quando um cliente será contemplado. Todos os clientes do grupo concorrem em condições iguais. Sempre que alguma proposta parecer muito boa ou muito diferente das opções do mercado, desconfie.

É importante escolher uma administradora que ofereça uma carta de crédito, ao invés do veículo. Como o prazo de um consórcio de carros é longo pode ser que neste período sejam lançados novos modelos mais atrativos.

Como os consórcios não possuem taxa de juros o que vai ser determinante da escolha da empresa é a taxa de administração.

As regras para o lance são diferentes para cada administradora. O lance livre é o mais comum e que se adapta mais facilmente a condição financeira na maioria das pessoas.

As administradoras estipulam o valor mínimo e quem oferece um valor acima desse mínimo costuma ser vencedor do lance. Existe também o lance fixo que costuma ser de 30 a 40% do valor da carta de crédito.

Antes de escolher qual o consórcio de veículos irá contratar é importante fazer simulações e analisar sua vida financeira para ter a certeza de que poderá arcar com todas as parcelas.

Planejar esse momento é fundamental para a sua saúde financeira.

Tome cuidado para que um sonho de adquirir um veículo não se torna em uma dívida que você não tenha condições de quitar. A inadimplência poderá gerar juros e multas nas prestações, apreensão do veículo e negativação em órgãos de defesa do consumidor.

Geralmente um consórcio de veículos tem muitas parcelas e por isso costuma ser muito longo. Diante disso é fundamental que você pesquise muito antes de escolher a administradoras.

Busque informações na internet: em sites de reclamações, redes sociais, página do Banco Central e também entre os amigos.

Avalie também o atendimento da empresa, algumas vezes após a assinatura do contrato o tratamento muda e o consorciado poderá enfrentar dificuldades no contato com a empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *